PENSAMENTO E VONTADE

Me empolga bastante – e aí peço licença para uso do gosto pessoal – quando um autor demonstra habilidade científica no estudo da espiritualidade. Assim foi em uma das obras espiritualistas mais importantes do século 19, O Livro dos Espíritos de Allan Kardec. E assim também o é com as publicações de Ernesto Bozzano, nosso autor em questão. Bozzano se utiliza de discurso bastante abalizado, que às vezes se faz parecer método científico, para descrever suas conclusões em torno de fatos e fenômenos. Este tipo de literatura dá mais embasamento e veracidade ao relato, pois o autor está constantemente ratificando seus argumentos com base em periódicos, artigos de revistas e trabalhos científicos.

Assim como no trabalho de Kardec, temos um autor que não é médium, mas soube se utilizar do bom senso e da ajuda de outros autores, médiuns e sensitivos, para criar os substratos de suas obras; e em seguida estudá-los do ponto de vista técnico.

É assim durante toda a redação de Pensamento e Vontade, onde o autor busca elucidar os fenômenos espirituais relacionados com o nosso pensamento e as consequências materiais e energéticas do ato de pensar. Para o autor, o pensamento humano é capaz de gerar uma repercussão extrafísica invisível (planos astral e energético), mas que tem forma e inteligência. Isso explica, inclusive, porque às vezes nos pegamos em loops viciados de nossos próprios pensamentos, e também porque algumas pessoas sentem a energia e puxam informações em certos lugares visitados. Isso se deve à formas-pensamento flutuantes nos planos invisíveis daqueles locais.

O livro é pequeno e dividido em partes relacionadas aos fenômenos de fotografia e ideoplastia. A tese maior é a de que a massa energética gerada por nossa mente e pensamento, em certas condições, pode se tornar fotografável; apesar de que não somos capazes de vê-las com os olhos normais da pessoa comum, do não-médium.

Através da influência de espíritos, e às vezes apenas pela vontade da mente, alguns pesquisadores puderam gerar provas através de sessões mediúnicas e com a ajuda da fotografia, que por sua vez ainda era extremamente rudimentar à época. Penso que essa deficiência técnica ajudou na “autorização” superior para tais fenômenos, visto que hoje em dia todo mundo tem uma câmera de alta tecnologia nas mãos, mas não somos capazes de registrar espíritos e ideias ideoplastizadas do plano invisível.

O trabalho de Bozzano nesta obra, portanto, foi o de compilar uma série de fenômenos fotográficos e trazer à tona algumas explicações para trais acontecimentos. Este trabalho, inclusive, dialoga bastante com os estudos do pastor e autor teosófico Charles Webster Leadbeater, autor do livro Formas Pensamento – link ao final do post, cujo cerne também está no estudo das repercussões que a mente/pensamento causam em seu entorno astral/energético. Observei bastante similaridade entre os trabalhos.

A QUEM SE DESTINA?

O livro é curto, de fácil leitura e bem seccionado. Serve tanto para os curiosos fenomenológicos como para os estudiosos da espiritualidade que querem se aprofundar no tema das formas-pensamento. Também são leituras complementares os trabalhos de Leadbeater e os da médium Elizabeth d’Espérance, que também é citada no trabalho de Bozzano. Detalhe: todos estes autores/médiuns citados são contemporâneos, o que nos faz pensar sobre o fato de a espiritualidade superior entregar informações em ondas de conhecimento e temáticas em certos períodos da história. Você leitor concorda?

O LIVRO DIALOGA BASTANTE COM OUTRA OBRA – FORMAS PENSAMENTO:

https://www.meditecomigo.org/formas-pensamento/

  • Sobre o autor desse post
PEDRO NUNES NETO
Pedro tem background em tecnologia da informação, e é bacharel em fotografia. É astrônomo amador, amante da natureza e aprendiz eterno da espiritualidade. Universalista convicto, é leitor de temas como física quântica, doutrinas orientais, Conscienciologia, ocultismo, cosmogonia, ufologia e meditação. Clique aqui para ver todos os posts de Pedro.
[mc4wp_form id=”2052″]

Seja avisado de novos resumos. Em média 1 ou 2 livros por semana. Sem propaganda, nem bate-papo. Saia a qualquer hora.

CLIQUE AQUI e seja adicionado à nossa lista de Whatsapp.

Seja avisado de novos resumos. Em média 1 ou 2 livros por semana. Sem propaganda, nem bate-papo. Saia a qualquer hora..

CLIQUE AQUI e seja adicionado à nossa lista de Whatsapp.

Veja posts por autor:

Pensamento e Vontade